Loteria

Caixa informa que vai abrir 7 mil novas lotéricas

Foto: Seeb-SP

Representantes dos bancários conquistaram compromissos importantes para os empregados da Caixa durante audiência com o presidente e vice-presidentes do banco na manhã desta terça-feira (26). Entre os principais pontos tratados está a manutenção da mesa de negociação permanente, a data para a divulgação do balanço, a contratação de aprovados em concurso e a abertura de novas agências.
Sobre o fechamento de agências, Pedro Guimarães confirmou que algumas serão realmente fechadas, mas que há planos de abertura de novas unidades, atendendo a cobrança do movimento sindical sobre a importância da Caixa em bairros mais distantes ou cidades pequenas, sem nenhuma outra opção de atendimento bancário.
O presidente do banco também revelou que serão abertas 7 mil novas lotéricas no país, revela o SPBancários.
A audiência foi marcada dias após o Dia de Luta realizado pelos empregados da Caixa, que mostraram em todo o país o seu descontentamento em relação a diversos pontos relacionados à nova gestão do banco.
Na reunião, as presidentas da Contraf-CUT, Juvândia Moreira, e do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Ivone Silva, acompanhadas do coordenador da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa, Dionísio Reis, foram recebidos pelo presidente do banco, Pedro Guimarães, e pelos vice-presidentes de Gestão de Pessoas, Roney de Oliveira Granemann, e de Clientes, Negócios e Transformações Digitais, Valter Gonçalves Nunes.
O principal ponto de discordância durante a reunião foi relacionado às notícias de privatização do banco. Para o presidente, não há plano de privatização do banco, porém há a intenção de abrir o capital de diversas áreas, como a Caixa Cartões e a seguradora, e que isso seria uma posição do Governo Bolsonaro.
“Nossa posição é que a venda de ativos, das partes mais lucrativas da Caixa, é privatizar o banco. Estamos dispostos a discutir a melhoria das condições de trabalho dos empregados, mas essa divergência não tem como ser vencida, porque entendemos que ela ataca frontalmente o papel da Caixa enquanto banco público, o enfraquece e prejudica o Brasil”, analisou a presidenta do Sindicato, Ivone Silva.

Tópicos relacionados
Agregalinks - O melhor agregador de links para blogs

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 2 outros assinantes